28 de set de 2010

Últimas do Jornalismo

Mesmo ficando em quarto lugar, o debate entre os presidenciáveis que foi ao ar no último domingo na Rede Record teve uma média de 9 pontos. Esse foi o maior índice alcançado entre todas as emissoras que já realizaram debates.

Já o "Domingo Espetacular" registrou a melhor audiência desse ano. O programa alcançou 16 pontos de média.

Segundo informações da Coluna “Canal 1”, a Band estaria planejando contratar o jornalista Luciano Faccioli da Rede Record.

Até agora o SBT não realizou nenhum debate entre os candidatos a presidência da república. É lamentável saber que uma das principais emissoras do país não esteve presente no primeiro turno das eleições 2010.

O portal R7 do grupo Record completou um ano de vida nessa segunda-feira e a Record News, o primeiro canal de informação 24h na TV aberta brasileira, comemorou três anos de criação.

Ainda sobre a emissora, nessa segunda-feira, a Record estreou a exibição em HDTV do "Jornal da Record".

Já na Globo, depois das férias, o jornalista Tiago Leifert voltou a apresentar nesse segunda-feira o "Globo Esporte" nas tardes da emissora.

26 de set de 2010

Eleições 2010: O Voto na Record

Daqui a pouco, a Rede Record transmite ao vivo o debate entre os candidatos a presidência. Dilma Rousseff, José Serra, Marina Silva e Plínio Sampaio já confirmaram presença. O encontro vai acontecer no RecNov que fica localizado no Rio de Janeiro.

Ao todo, 200 jornalistas do Brasil e do mundo foram credenciados para acompanhar o encontro. Na platéia, 400 pessoas vão assistir o debate que será mediado pelo apresentador do "Jornal da Record", Celso Freitas (foto). As jornalistas Ana Paula Padrão, Adriana Araújo e Christina Lemos serão as responsáveis pelas perguntas aos presidenciáveis. Veja o Vídeo da Chamada:



O debate será transmitido também pelo portal R7 e para mais de 160 países pela Record Internacional. A Record News fará a cobertura do encontro que começa ás nove da noite.

23 de set de 2010

Israel Lucero é o novo ídolo do Brasil


Marcelo Rezende é o novo contratado da Rede Record

O apresentador do "Tribunal na TV” da Band Marcelo Rezende (foto) já assinou contrato com a Rede Record e é o mais novo contratado da casa. De acordo com informações da coluna “Bastidores da TV” do Portal UOL, as negociações já aconteciam e a assinatura só ocorreu na última terça-feira.

A Band ainda tentou fazer uma contraproposta ao profissional, mas Rezende preferiu assinar com a Record. O jornalista deve estrear na emissora no próximo dia dez de outubro, ele será uma espécie de repórter especial e investigativo do “Domingo Espetacular”.

22 de set de 2010

SBT: emissora produz revista eletrônica

A nova revista eletrônica do SBT que deve estrear em novembro ainda não tem um nome definido. O que já se sabe é que o projeto vai contar com 50% de entretenimento e os outros 50% serão dedicados ao jornalismo.

O programa terá uma equipe própria de repórteres e produtores e será exibido no período da tarde. Além de entradas ao vivo, a atração de quase duas horas vai contar também com viagens internacionais.

Os jornalistas Regina Volpato e Luiz Bacci (foto) são os mais cotados para comandar a revista.

17 de set de 2010

Record ganha prêmio máximo do COI


A TV Record ganhou nesta quinta-feira (16) em Lausanne, na Suíça, o prêmio Olympic Golden Rings, que é oferecido pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) às melhores coberturas de televisão dos Jogos Olímpicos.

Concorrendo com as principais emissoras de TV do mundo, entre elas a norte-americana NBC, a britânica BBC e a japonesa NHK, a Record ficou entre as três melhores na categoria Perfil de Atleta, por contar a história do patinador Florent Amodio, um dos participantes dos Jogos de Inverno de Vancouver, disputados em fevereiro deste ano.
Amodio é nascido no Brasil, em Sobral, no Ceará, mas representou a França, pois foi adotado ainda quando era bebê.

A reportagem, de Ana Paula Padrão e Mauro Wedekin, foi exibida no programa Domingo Espetacular. Durante 17 dias, a Record transmitiu a competição com exclusividade para o Brasil.

O Olympic Golden Rings é uma competição de prestígio internacional em que o Comitê Olímpico Internacional promove a excelência em transmissão televisiva dos eventos olímpicos. Nunca uma emissora brasileira recebeu o prêmio seja pela cobertura das Olímpiadas de Inverno ou de Verão.

- O prêmio não é só da Record, mas de todo povo brasileiro - afirmou Honorilton Goncalves da Costa, vice-presidente Artístico e de Programação, ao receber o troféu das autoridades do COI.

O reconhecimento internacional da cobertura feita pela Record dos Jogos de Inverno premia o que representou o surgimento de uma nova realidade na televisão brasileira, que até então não dava importância ao evento.

A Record enviou 80 profissionais ao Canadá e realizou uma extensa cobertura jornalística, o que aproximou o público brasileiro dos esportes de gelo e neve.
Fonte: R7

16 de set de 2010

Apresentador de jornal é flagrado sem calças ao vivo

Na última quarta-feira, um vídeo que mostra o âncora Jani Muhic da Pop TV sem calças caiu na rede. As imagens foram publicadas no site You Tube e mostram o apresentador esloveno vestindo apenas o terno e uma cueca samba canção branca. Veja o vídeo:





O descuido do jornalista ocorreu há dois anos, em 2008. O vídeo já recebeu muitos comentários e milhares de visualizações pelo mundo.

Brasil
Por aqui, o apresentador Cid Moreira da Rede Globo ficou conhecido por criar uma das principais lendas da televisão brasileira, conhecida até hoje. Segundo ele, os âncoras do “Jornal Nacional” já apresentaram o noticiário de bermuda e chinelos.

Em uma entrevista à revista “Contigo”, em setembro de 2004, ele disse: “Isso foi uma vez. Eu estava em Petrópolis, era Carnaval e eu desci a serra de bermuda. Mas choveu e acabei chegando atrasado ao Rio. Não deu tempo de ir até minha casa pôr calça. Fui assim mesmo”.

15 de set de 2010

Mário Motta da RBS TV visita Univali

"Foi um acidente", diz Boris Casoy ao relembrar polêmica declaração sobre garis

Em dezembro de 2009, Boris Casoy (foto), âncora do "Jornal da Noite", da Band, fez um polêmico comentário sobre garis durante o programa. Na época, o telejornal exibiu uma chamada que continha a imagem de garis desejando boas festas aos espectadores. Sem saber que o áudio estava sendo transmitido, o jornalista disse: "Que merda: dois lixeiros desejando felicidades do alto da suas vassouras. O mais baixo na escala do trabalho".

O comentário foi considerado de mau gosto e preconceituoso. Casoy desculpou-se ao vivo, mas mesmo assim foi processado, juntamente com a emissora, por associações de classe e também, individualmente, por trabalhadores do ramo. Até o momento, Casoy e a Band foram inocentados dos processos. Em entrevista concedida à revista IMPRENSA para a edição de setembro, o âncora falou abertamente, pela primeira vez, sobre o caso.

Veja, a seguir, alguns trechos dessa conversa.

IMPRENSA - No início do ano, houve aquele episódio do comentário sobre os garis, do áudio que vazou... isso é um lado ruim de poder expressar a opinião?
Boris Casoy - Isso é um acidente. Não foi uma opinião emitida com a televisão no ar. Para mim, estava desligado. Outra coisa: foi uma brincadeira de mau gosto. Ontem eu falei para um sujeito que me cobrou a esse respeito se ele nunca tinha contado piada de português. Eu não tenho nada contra gari, sou uma pessoa muito acessível e isso projetou para as pessoas uma imagem exatamente oposta ao que eu penso. Gostaria até de colocar como foi o incidente. Foi uma falha técnica, e o computador central não sabia o que fazer. Já estava fora do âmbito do estúdio, em outro âmbito na emissora e o computador abriu o microfone da pessoa que estava do meu lado, não foi o meu. Por que eu falei aquilo, que foi uma estupidez... Se você pegar a gravação, você vai ver que teve um porquê. Está na internet. Ao vivo, eu falo, "veja a seguir". E aí entra um pequeno trecho do sorteio da Sena, falando de tantos milhões. E logo em seguida, vem o gari. Eu achei aquilo uma gafe fazer essa contraposição. Aí fechou, o pessoal dá risada. Eu virei e falei: "Que merda, um gari...". Eu estava tirando um sarro de quem teve a infelicidade de editar...e aquilo foi pro ar. Eu não ia dar essa explicação, ninguém me pediu. No dia seguinte, eu não sabia que tinha vazado, fiquei sabendo mais pra frente. Não sabia o que tinha vazado, se não, tinha pedido desculpas na hora, mas fiquei sabendo mais pra frente. No switcher não apareceu, por causa dessa complicação do computador, as pessoas do switcher não ouviram. Depois eu pedi desculpas, enfim.

IMPRENSA - Você estava emitindo uma opinião sobre a edição...?
Casoy - Eu nem posso dizer que era opinião porque era uma brincadeira, uma coisa jocosa, uma brincadeira entre amigos. Como as pessoas fazem sempre.

IMPRENSA - E por causa da visibilidade que você tem...
Casoy - Foi pra internet, infelizmente projetou uma imagem que é o oposto da minha imagem pessoal.

IMPRENSA - A visibilidade da TV tem eu lado negro?
Casoy - Não, você tem que se acostumar, porque você é uma imagem pública, uma hora é cruel, outra hora você não é, uma hora você é isso, aquilo...

IMPRENSA - Por causa dessa questão da opinião, você é estigmatizado?
Casoy - Tem gente que acha que eu sou um homem de extrema direita... Eu critico todas as ditaduras, mas todas as ditaduras. Tem gente que não se conforma, mas eu vou continuar criticando todas as ditaduras. Eu falo algumas verdades sobre o processo de guerrilha brasileira, que não se enfrentou o governo militar para democratizar o Brasil, como eles falam... A guerrilha começou antes do regime militar e era para criar o regime comunista, de diversos matizes... Eu vivo dizendo essas coisas. E as pessoas, especialmente o pessoal mais radical, me odeia

Por Pamela Forti/Especial TV 60 anos

Fonte: Portal Imprensa

7 de set de 2010

Eleições 2010: Band realiza debate entre candidatos à vice

Nem os baixos índices (três pontos) registrados pelo debate entre os presidenciáveis desanimou a diretoria da Band. A emissora já definiu que vai realizar um novo debate, só que entre os candidatos à vice-presidente do Brasil.

Os candidatos Michel Temer (vice de Dilma Rousseff), Índio da Costa (José Serra), Guilherme Leal (Marina Silva) e Hamilton Assis (Plínio Sampaio) já confirmaram presença no encontro.
O novo debate comandado pelo jornalista Joelmir Beting vai ao ar no dia 19 de setembro, um domingo, a partir das dez da noite.

6 de set de 2010

Record vence Globo pela primeira vez no Rio

O último domingo, dia 5 foi um dia histórico para a televisão brasileira e principalmente para a Rede Record. Pela primeira vez na história, a Record conseguiu vencer a Rede Globo na disputa pela audiência de domingo.

Ontem, a Record fechou a média em primeiro lugar. Entre 07h da manhã e 11h59 da noite, a vitória foi de 12,2 contra 12,1 da principal concorrente, segundo dados do Ibope na Grande Rio.

3 de set de 2010

Rede TV! exibirá debate no lugar do "Pânico"

A Rede TV! deixará de exibir o programa "Pânico! na TV" para transmitir o primeiro debate entre os presidenciáveis realizado pela emissora. A atração irá ao ar no domingo (12), às 21h, mesmo horário do humorístico.

O programa comandado por Emílio Surita consegue obter médias de 10 pontos de audiência no horário, e já vai ao ar com 2 pontos, herdados de atrações anteriores. O debate da Band, transmitido no dia 5 de agosto, não conseguiu passar dos 3 pontos.

Segundo o jornal Folha de S.Paulo, a estratégia de não exibir o "Pânico!" no dia do debate teria como objetivo melhorar a relação da emissora com o mercado publicitário, como parte de um projeto de "qualificação" da Rede TV!.

O debate é uma parceria entre a Rede TV! e a Folha e será apresentado em cinco blocos. Os candidatos poderão responder perguntas feitas entre eles e pelos jornalistas que estarão no estúdio. Não haverá participação do público. O diretor de jornalismo do canal, Américo Martins, cogitou a hipótese de usar questões feitas pelos telespectadores via Skype, porém os coordenadores das campanhas dos candidatos rejeitaram a proposta de interatividade.

Fonte: Portal Imprensa

Clube dos 13 pretende acabar com exclusividade de transmissão do Campeonato Brasileiro

A Globo poderá perder o direito de exclusividade na transmissão do Campeonato Brasileiro. O Clube dos 13, que representa os 20 maiores clubes do país, vem realizando reuniões preliminares entre seus associados e decidiu que irá repartir os direitos de transmissão do principal torneio do futebol brasileiro, ao contrário de realizar negociações que permitem a exclusividade na compra da competição pela Globo.

A nova postura ainda depende das propostas realizadas pelas emissoras de TV. A princípio, a entidade pretende separar os direitos em várias categorias, como TV aberta, TV por assinatura, telefonia móvel, internet e sistema pay-per-view.

Em entrevista ao site Máquina do Esporte, o presidente do Clube dos 13, Fábio Koff, confirmou a informação. “Essa é uma ideia preliminar, mas que nós ainda pretendemos trabalhar. Temos uma competição de sucesso, e precisamos valorizar isso. O pay-per-view atingiu 800 mil compradores neste mês. Nós achamos que pode bater um milhão ainda neste ano”.

Já na TV aberta, a entidade estuda a possibilidade de dividir os direitos de transmissão entre mais de uma emissora e por diferentes dias da semana. O atual contrato de exclusividade do Clube dos 13 com a TV Globo rende cerca de R$ 600 milhões. A ideia de Koff é elevar esse valor para, no mínimo, R$ 1 bilhão.

Atualmente, a Globo detém os direitos exclusivos dos principais campeonatos do Brasil e os divide com a Band, entretanto a parceria é direta entre as emissoras, não havendo participação do Clube dos 13.

Fonte: Na Telinha

2 de set de 2010

Ex-funcionária do SBT é sequestrada na sede da emissora

Uma ex-funcionária do SBT foi vítima de um sequestro-relâmpago dentro do estacionamento da emissora, na tarde da última terça-feira (31), e levada para um matagal próximo à rodovia Anhanguera, na região metropolitana de São Paulo (SP).

A ex-figurinista Ceci Uge Tonelli, de 25 anos, foi rendida por um homem no interior da sede do SBT e obrigada a se esconder dentro de seu próprio automóvel ao deixar o complexo da emissora. A figurinista foi desligada da empresa há uma semana e voltou ao SBT para pegar alguns documentos

Levada a um local ermo, a ex-funcionária foi esfaqueada no pescoço e agredida com chutes, mas sobreviveu ao ataque e, segundo a família, está consciente. Seu estado de saúde é estável.

De acordo com informações do portal R7, a assessoria de imprensa do SBT afirma ter conhecimento sobre o caso, mas declarou que não há um pronunciamento oficial da emissora.

Ceci ficou pelo menos meia hora em poder do assaltante. Em determinado momento, próximo a Serra da Bocaina, bairro Jardim Três Montanhas, em Osasco, o sequestrador a empurrou para fora do automóvel, a esfaqueou e jogou seu corpo em uma ribanceira. A figurinista fingiu estar desmaiada e só se mexeu após perceber que o carro tinha se afastado do local.

Esvaindo-se em sangue, Ceci enrolou sua camisa no pescoço e pediu ajuda a uma moradora, que chamou a polícia. A figurinista foi levada ao pronto socorro da Vila Menck e depois transferida para um hospital de Osasco.

O carro da figurinista e o criminoso ainda não foram localizados. O caso foi registrado no 10º Distrito Policial de Osasco.

Fonte: Portal Imprensa

1 de set de 2010

Últimas do Jornalismo

A apresentadora Luciana Livieiro (foto) pode ser a nova correspondente internacional da Rede Record em Nova York. O novo cargo da jornalista que comanda o “Record Notícias” na praça de São Paulo ainda não foi definido.

O jornalístico “Brasil Urgente” do jornalista Datena vai continuar aos sábados na Band. Nesse dia, o programa terá uma duração de 30 minutos e será exibido apenas para São Paulo.